top of page

O QUE FAZER EM SANTIAGO - CAJÓN DEL MAIPO + TERMAS DE COLINA

Atualizado: 13 de jul. de 2021



O Chile é um país cheio de atrações para turismo e um dos meus preferidos da América do Sul. Muitas das atrações estão na Cordilheira dos Andes, que tem uma extensão de 8 mil quilômetros, cruzando praticamente a América do Sul toda. Por isso ao visitar Santiago sugiro reservar alguns dias para conhecer e sentir a energia dessa Cordilheira. Nesse post vou falar sobre o passeio de Cajon del Maipo e Termas de colina, que foi a atração que mais gostei. Não estou contando com o Valle Nevado nessa preferência, esse é assunto para outro post, específico de esqui.


QUANDO?

Vamos começar com a época ideal para visitar Santiago e fazer esse passeio. Meia estação é ideal, assim dá pra sentir o friozinho andino e ainda conseguir ter acesso aos lugares. Além de que uma das principais atrações de Santiago são as vinícolas e o melhor momento de visitar é até abril, quando é época de colheita e as parteiras estão lindas, cheias de uvas para degustar. No inverno as parteiras ficam secas. Outro ponto importante, muitos dias do inverno mais intenso não é possivel chegar ao termas e as estradas que já são perigosas ficam ainda mais com o gelo. Por isso eu sugiro, por segurança principalmente, fazer esse passeio com agência. Eu fiz com a ALFATUR (clique para entrar em contato) e gostei bastante. O guia nos contou tudo sobre a região e foi super legal.


COMO É O PASSEIO?

A saída de Santiago é bem cedo, por volta das 6 horas da manhã. Com uma parada para café da manhã chegamos no Embalse el Yeso em 2 horas, a primeira atração. É basicamente o reservatório de água de Santiago, um “lago” artificial. É muito frio lá, mesmo na meia estação. Fui em Março e devia estar por volta de 10 graus. fui com esse casaco de lã grossinho e cachecol e deu certo, mas passei frio ainda, da pra caprichar mais no casaco pra ser tranquilo. A paisagem é linda, mas sugiro que o passeio seja feito ao contrário, deixando essa atração para o periodo da tarde. Com o sol mais em cima, a cor do lago fica muito mais azul, de manhã cedinho fica assim como a foto.

Seguimos para a segunda parada, o Termas de Colina. São mais 2 horas de viagem adentrando a Cordilheira. Se a ordem for invertida também acho que funciona mais para o termas, pois quanto mais tarde chegar mais cheio de turistas fica. Dá para encontrar um cantinho tranquilo, mas para curtir mais a paisagem e captar uma imagem de todas as piscinas é muito melhor com ele mais vazio. O visual é de tirar o fôlego. Lá a ALFATUR serviu queijos, frios, torradinhas e vinho para repor as energias e por fim voltar para SANTIAGO, mais 2 horas de viagem. É um passeio longo, mas que vale muito a pena. São muitas horas de estrada com uma paisagem linda, nem vi passar, até porque consegui dormir bem algumas horas!


DICA

Não tem muita estrutura nesse termas, só um vestiário. Então é bom levar toalhas, chinelos, sabonete (é importante lavar os minerais do corpo depois, para não ter uma intoxicação). A lama do fundo das piscinas também tem muitos minerais, pode passar no corpo que é muito bom para a pele. O ideal é ficar no máximo 15 min direto nas piscinas. É bom sair um pouco, se hidratar e voltar depois de alguns minutos. Eu acredito que tive algum nível de intoxicação por ficar 40 minutos direto, me empolguei com as fotos e tive uma super dor de barriga, entao sugiro prestar atenção nisso por experiência própria!


Se ainda não se inscreveu no Blog se inscreva para receber as notificações de posts, promoções e dicas de viagem!


No meu Instagram também tenho todos os Stories salvos nos destaques e mais fotos e informações, segue lá também @brunnanovo


Se tiver mais dúvidas pode comentar aqui em baixo!


Boa viagem ✈️


Brunna Novo

289 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page